Parcerias fortalecem o desenvolvimento rural sustentável

compartilhar

Projeto Bem Diverso apoia curso de processamento do pequi em conserva na comunidade de Catanduva (MG)

Através das parcerias firmadas entre Emater-MG , Prefeitura Municipal, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS), o Projeto Bem Diverso e ICMBio , foi realizado no dia 21 de fevereiro de 2019 na comunidade de Catanduva, município de Vargem Grande do Rio Pardo, um Curso Sobre Processamento do Pequi em Conserva.

Para quem gosta de pequi, é necessário aproveitar a temporada de produção que vai de outubro a janeiro, para preparar conservas e aproveitar o fruto durante o resto do ano.

O curso foi uma demanda apresentada pela Comunidade de Catanduva, e o Extensionista da Emater-MG, Idailson Barbosa Rodrigues, responsável pelo escritório de Vargem Grande do Rio Pardo, foi o responsável por toda a mobilização para que o evento acontecesse.

A comunidade de Catanduva já tem tradição na colheita do pequi, sendo que todo ano sai da comunidade e das comunidades vizinhas em torno de 150 a 200 toneladas de pequi in natura (caroço), que é levado para o estado de Goiás.

Curso processamento de pequi em conserva, Catanduva (MG)

Curso processamento de pequi em conserva, Catanduva (MG)



Curso processamento de pequi em conserva, Catanduva (MG) © Divulgação Emater-MG

O curso foi ministrado por Maria Sirlei Teixeira, Extensionista de Bem Estar Social do Escritório da Emater- MG de Taiobeiras e pela Coordenadora Técnica Regional da Emater-MG, Lorena Martins.

Durante o curso, foram abordados inicialmente alguns aspectos importantes sobre as boas práticas no processamento de alimentos e especificamente sobre o pequi em conserva.

As agricultoras participantes do curso, tiveram oportunidade de fazer na prática, as conservas de pequi em caroço congelado, em conserva de salmoura e a conserva da polpa. A conserva é um método de conservação de alimentos que evita a sua rápida deterioração e o mantém propício ao uso por um tempo maior.

Participaram do curso 23 agricultores(as), sendo 20 das comunidades de Catanduva e Cachoeira, do município de Vargem Grande do Rio Pardo e três da comunidade de Riacho de Areia do município de Rio Pardo de Minas.

Estiveram presentes no evento, o Prefeito Virgílio Tácito, o Presidente do CMDRS, Carlos Alberto, Neuzita do ICMBio e o Secretário Municipal de Agricultura, Romário Neves Sobrinho.

A cadeia Produtiva do pequi é muito importante para o município de Vargem Grande do Rio Pardo, atende a muitas famílias, por isso, é de fundamental importância as parcerias formadas para a realização do curso.

Texto: Emater-MG, Unidade Regional de Salinas